fbpx

Marketing vs Branding – Qual é a diferença?

O Marketing promove ativamente produtos e serviços.

O Branding visa atribuir valor e credibilidade a uma marca.

Quando construímos um negócio, existem tantos chavões, que às vezes é difícil manter uma perceção correta do que é Marketing e do que é Branding.

Então, qual é a diferença entre marketing e branding?

A verdade é que marketing e branding são dois conceitos muito diferentes, mas que devem ser trabalhados em conjunto para que possa levar o seu negócio para o próximo nível!

Para que seja possível entender a diferença entre Marketing e Branding é necessário, primeiramente, conhecer a definição de cada um deles.

O que é o Marketing?

Segundo a Etimologia, o Marketing surge da junção da palavra  market (mercado) com ing (sufixo em inglês que significa ação), nesse sentido, é possível traduzir a palavra “Marketing” como “Ação para o mercado”. 

De uma forma mais clara, o Marketing é o conjunto de estratégias, ferramentas e processos  pelo qual as empresas criam valor e constroem relacionamentos com os clientes para também captar o seu valor.

No fundo, o Marketing pode ser visto como as ações que são desenvolvidas para promover, ativamente, produtos, serviços e empresas.

O que é o Branding?

Na definição de uma estratégia de branding as empresas tendem  a abordar as seguintes áreas:

  • Definição da Marca: Objetivo, Valores, Promessa;
  • Identidade da marca: nome, tom de voz, design da identidade visual (que inclui design do logotipo, paleta de cores, tipografia, etc..);
  • Declaração de posicionamento da marca (proposta de valor).

Para perceber o que é branding é essencial ter presente o conceito de marca.

O que é marca?

A marca é a ideia ou a imagem que os consumidores têm acerca de um  produto ou serviço específico. No fundo a marca é a união de diversas variáveis (como o nome, logotipo, slogan) que identificam uma empresa e a distinguem das demais.

O Branding, por sua vez, acontece quando essa ideia ou imagem é construída de forma a que seja conhecida e a que ocupe um lugar de destaque na mente dos consumidores – posicionamento.

Na verdade, o branding não atua apenas para gerar o reconhecimento da marca mas, também, para construir um conjunto de padrões a serem transmitidos ao público.

Se o marketing é o que leva as pessoas a se envolverem com a sua empresa pela primeira vez, o branding é o que as mantém próximas da sua marca durante muito tempo.

Aqui na agência gostamos particularmente deste vídeo, de David Brier, aproveite: What is branding?

David Brier: What is branding?

Diferença entre marketing e branding

Enquanto o marketing é usado para promover um produto ou serviço, o branding é usado para moldar ativamente a marca.

Na realidade, é necessário desenvolver estratégias para ambos, mesmo sendo eles conceitos com objetivos diferentes e resultados diferentes.

Agora que conhecemos a definição de cada um dos conceitos, vamos falar sobre as principais diferenças entre marketing e branding:

Marketing Branding


Chama a atenção dos
clientes.


Mantém a atenção dos clientes.


Gera vendas.
Gera reconhecimento, reputação e lealdade.


Vem em segundo lugar.


Vem em primeiro lugar


As estratégias de marketing vão e vêm e são
momentâneas.


Mas a marca, essa sim,
é para sempre.


É usado para promover produto ou serviço.


É usado para moldar ativamente a marca.

O marketing é uma ótima maneira de chamar a atenção de um cliente, mas o branding é uma ótima maneira de manter a sua atenção.

Branding

Não importa qual o setor em que se insere, a realidade é que a sua empresa é apenas mais uma num mar de concorrência.

Se pretende criar ondas e chamar a atenção dos seus clientes, o marketing é uma necessidade absoluta para a sua empresa.

As pessoas gostam de negociar com marcas com que se identificam, em que acreditam e confiam. Portanto, embora o marketing ajude a superar a desordem e a colocar a sua marca na frente das pessoas certas, se quiser mantê-la lá, é preciso que a sua marca seja a marca com a qual as pessoas se possam conectar.

Manter a atenção, a lealdade e a confiança  dos clientes depende, inteiramente, do branding criado para a sua empresa/ marca.

Em poucas palavras, podemos adiantar-lhe que:

  • Vai precisar das estratégias de marketing certas para diferenciar a sua marca das marcas concorrentes e para dizer aos seus clientes “Ei! Estou aqui!”. 
  • Mas vai precisar, também, da estratégia de branding para que seja atribuída forma, cor e sentimento à sua marca de forma a promover um relacionamento, criar conexão de longo prazo e manter os seus clientes e assim, eles voltem depois do “Olá” inicial.

O marketing gera vendas, o branding gera reconhecimento, reputação e lealdade.

O core, da maioria das estratégias de marketing, tem como objetivo gerar resultados. 

O que é ótimo! Pois, se deseja que a sua empresa seja bem-sucedida, é claro que precisa aumentar as vendas e chegar a todos os potenciais clientes.

Mas o Branding, cria reconhecimento, reputação, impulsiona sentimentos positivos sobre a sua marca e promove a lealdade do cliente. 

Na verdade, o branding é trabalhado, paralelamente, com o marketing.

O branding vem em primeiro lugar, o marketing em segundo.

Conhece a velha expressão “o que veio primeiro – a galinha ou o ovo?” 

Se transportarmos esta expressão para o tema, a ser desenvolvido, estamos a falar sobre a versão comercial deste ditado. 

Provavelmente seria algo como “o que vem primeiro – o branding ou o marketing?”

No grande esquema da construção dos negócios, o branding vem primeiro. E por uma boa razão:

Não se consegue vender uma marca que ainda não se criou.

Antes mesmo de pensar em implementar uma estratégia de marketing, é necessário concentrarmo-nos na nossa marca. 

  • Quem é a minha marca? 
  • O que vou trazer para o mercado? 
  • Quais são os valores fundamentais da minha marca? 
  • E, o mais importante, como é que vamos comunicar tudo isto aos nossos clientes-alvo?

Somente quando tiver as respostas para estas perguntas, faz sentido começar a pensar em marketing. 

Uma vez criada, a estratégia de branding, vai entender melhor quem é a sua marca, quem são os seus clientes e quais as melhores formas de criar conexões com o seu cliente.

E depois sim pode criar uma estratégia de marketing que dê vida a tudo.

As estratégias de marketing vão e vêm – mas o branding é para sempre.

Quando estamos a criar um negócio, para que ele seja bem-sucedido, precisamos de comercializá-lo ativamente.

Porém, as estratégias que usamos para comercializar um negócio, são temporárias. Cada tática de marketing terá um começo, meio e fim claros.

Enquanto que, com o branding é diferente. 

Não importa onde o seu negócio está, que estará constantemente a trabalhar e a definir quem é como empresa, a moldar a percepção da marca com o seu público e a promover um relacionamento mais profundo e significativo com os seus clientes. 

À medida que a sua empresa cresce e evolui, o branding – a marca – também, vai crescer e evoluir.

A marca tanto tem impacto na sua equipa como nos seus clientes.

A equipa responsável pelo desenvolvimento e implementação das estratégias de marketing, da sua empresa, não é afetada pelo marketing.

Mas a marca,  esta é uma outra história, uma história completamente diferente.

A marca pode ter um impacto tão profundo na sua equipa quanto nos clientes.

Assim, como precisa que os seus clientes acreditem na sua marca para fazer negócios, também precisa que os seus colaboradores acreditem. 

Quando criamos uma marca em que a nossa equipa realmente acredita, ela fica mais apaixonada e comprometida com o trabalho que está a desenvolver. O esforço e a entrega levará melhores ideias para cima da mesa – e a sua empresa prosperará com o resultado.

Marketing

Use o marketing e o branding para elevar os seus negócios para o próximo nível.

Agora que conhece a diferença entre marketing e branding e como eles se complementam, já tem as ferramentas necessárias para usar estes dois conceitos. 

Somos apaixonados por marcas, por isso, podemos ajudar a desenvolver e a implementar estratégias de branding e marketing sincronizadas
Ou se quiser começar por si, faça o download da nossa checklist!

Até já!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *